14 fevereiro 2009

A força da Globo ao Espiritismo

e a indiferença do movimento espírita

Meus amigos:

Quem já me conhece, ao longo destes anos, sabe muito bem que eu não tenho papas na língua e não sou adepto da evolução espiritual de fachada, pra ficar aqui dizendo que está tudo bem, que está tudo maravilhoso, mascarando a realidade dos fatos e omitindo informações para as pessoas.

No 2º Congresso Espírita Mundial, realizado em Portugal, em 1998, eu fiz duas palestras, e na primeira delas, com o grande auditório superlotado, eu terminei assim:


Ao chegar ao mundo espiritual, quando eu retornar, eu não me importarei se for qualificado como espírita afoito ou com qualquer outra qualificação depreciativa que alguns confrades do nosso movimento costumam me rotular. O que não vou querer é ser identificado como espírita omisso. Morreria (de novo) de vergonha.


Esta semana eu mandei um e-mail para todos, mostrando uma resposta que dei a uma matéria do Roberto Frias, que escreveu dizendo que a Rede Globo divulgava muito o Espiritismo e fui veemente, em relação a umas bobagens que ele falou.

Só que tem uma coisa: O Roberto não mentiu e nem exagerou quando falou que a Globo divulga as idéias espíritas, porque ela divulga mesmo e tem dado a maior força para o Espiritismo. O erro dele foi falar que, com isto, a Globo desrespeita os demais segmentos religiosos, principalmente os "cristãos", como se eles não tivessem forte apelação junto ao público, usando concessões públicas de canais, com as suas redes de televisão e como se a Globo, também, não apresentasse missas, todos os domingos, e divulgação de todos os grandes eventos católicos que são realizados no Brasil e no mundo, o que todos nós assistimos, a todo momento.

De fato, a Globo nos dá uma força enorme

Nós espíritas é que não sabemos aproveitar, ou melhor, não queremos aproveitar.

Sei que, ao dizer isto, virão muitos espíritas, daqueles que supõem que nós já vivemos no Ministério da União Divina e não no mundo carnal, para dizer que "A Doutrina não precisa disto", "O Espiritismo divulga-se por si só", "Não é chegado o tempo ainda, quando chegar a Espiritualidade saberá o que fazer", "Se acalme, Alamar, você é muito afoito" (como se eu não estivesse calmo, quando trato da divulgação da doutrina) e todo esse tipo de manifestação, a mais comodista possível, fria ao extremo, muito comum naqueles que não têm disposição nenhuma em atender Jesus, quando recomenda que a luz é para ser colocada no VELADOR e não deixada sob o alqueire.

Você se lembra daquele momento em que os Espíritos Superiores disseram que, se os homens falhassem, eles falariam pelas pedras?

Será que, ao utilizarem-se da Rede Globo, da revista Isto É e de outros veículos, eles não estão optando por falar pelas "pedras", já que os espíritas, em nome da "humildade", continuam com essa mesma conversa fiada de que "A Doutrina não precisa de divulgação"?

Muita coisa tem avançado, vários são os espíritas hoje que já estão fazendo alguma coisa no sentido de DIVULGAREM PARA O GRANDE PÚBLICO e não para as mesmas pessoas que já freqüentam os centros. No e-mail de ontem, quando divulguei a participação do Gerson Simões Monteiro no programa da Ana Maria, eu falava que ele escreve uma coluna no jornal EXTRA voltada para o grande público e não apenas para freqüentadores de centros, e não é de hoje que o Gerson faz isto. E tem outro detalhe: A coluna é uma das mais lidas dos jornais do Rio, o que comprova, mais uma vez, que falar sobre Espiritismo DÁ IBOPE.

Qualquer programa de rádio ou de tv espírita, feito em qualquer cidade, dá grande audiência. A Rádio Rio de Janeiro é terceiro lugar, no Rio, perdendo apenas para as grandes forças das Rádios Globo e Tupi. Quando eu apresentei o meu programa "Ampla Visão", na TV Gazeta de São Paulo, consegui obter 1 ponto no IBOPE, logo no primeiro programa, chegando a oscilações entre 3,5 e 4 pontos, já no quinto programa, o que corresponde a aproximadamente 450 mil pessoas, só na cidade de São Paulo, assistindo ao mesmo. Vale lembrar que o programa de maior audiência da TV Gazeta, não passa de 2 pontos, o que já é muito, para São Paulo.

Em Belém do Pará, por exemplo, terra que eu conheço bem, porque foi lá que eu comecei tudo, teve um momento recente de rara beleza, neste início de 2009, com um efeito extraordinário. A União Espírita Paraense, a Casa Federativa de lá, promoveu um evento com o Divaldo Franco. Só que não o levou para o seu grande auditório, como sempre fez ao longo de anos, para ser assistido pelas mesmas pessoas; ela resolveu promover a palestra dele no Estádio Mangueirão, com toda a audácia que a divulgação espírita merece e precisa. E teve outra coisa, notável: Não restringiu a divulgação apenas a cartazes pregados nos centros e avisos dados pelos palestrantes, foi com raça, para a grande imprensa, utilizou-se dos jornais e rádios locais, que dedicaram grandes espaços, utilizou-se da TV Liberal, afiliada local da Rede Globo, com muita chamada no ar e utilizou-se até de trios elétricos, coisa que este "maluco" aqui costumava fazer, quando morava lá.

Milhares de pessoas foram ao estádio, mesmo com ameaça de chuva que, felizmente, não aconteceu.

A semana espírita de Vitória da Conquista, na Bahia, é divulgada sempre para o grande público, por isto, a cidade consegue colocar milhares de pessoas no evento.

Que os exemplos sirvam para todas as outras cidades.

Expositores, em nível de Divaldo Franco, José Raul Teixeira, José Medrado e outros, não podem ser utilizados para falarem apenas em auditórios de centros espíritas, por maiores que sejam, porque estarão chovendo no molhado, embora muitos espíritas precisam escutar muitas coisas que eles têm a dizer, sobretudo acerca do comportamento do nosso movimento. Eles devem ser colocados nos grandes espaços culturais das cidades, com ampla divulgação na imprensa e abertura total para o público considerado leigo.

O grande público que saber sobre as coisas espíritas, gente!!!

A própria Globo já mostrou, através de pesquisa, que 83% da população brasileira acredita na comunicação de "mortos" com o mundo dos vivos e que mais de 80%, também, acredita na reencarnação!

Pare um pouquinho a leitura e assista, agora, a este material que eu preparei para os amigos, mostrando um pouquinho... um pouquinho, apenas... do que a Globo já fez pelo Espiritismo e nós não soubemos aproveitar.

Tecle aqui para assistir

O que falta pra gente sair por aí explicando isto melhor?

Voltemos ao caso da Globo.

Não consigo ver uma novela, sequer, nos três principais horários, na nossa emissora maior, que não tenha alguém falando em reencarnação ou alguma coisa que sugere idéia espírita.

Conforme você viu no vídeo que mostrei, "A VIAGEM" foi uma novela totalmente espírita, com várias reuniões mediúnicas mostradas, a única novela que foi reprisada 3 vezes, no "Vale a pena ver de novo", todas as vezes com grande índice de audiência.

A "Alma Gêmea", que teve os seus exagerozinhos (não importa), passou o tempo todo, do primeiro ao último capítulo, a falar em reencarnação e até a mostrar reuniões mediúnicas, VÁRIASSSSSSSSS, com "O Evangelho, segundo o Espiritismo" em cima da mesa e tudo.

Em "O Profeta" nós vimos, também, reuniões mediúnicas, no padrão espírita, em vários momentos, do início ao fim, sem apelações, sem mediunismos exagerados e com cenas muito bem orientadas, sempre com a Globo se preocupando em dar close nas capas de "O LIVRO DOS ESPÍRITOS" e em "O EVANGELHO".

Nós vimos a "aparição" do Espírito "Nanda", que foi um dos momentos de maior audiência, segundo o IBOPE. Quantas e quantas novelas vem repetindo as mesmas coisas, do nosso interesse, por todos estes anos.

Vários, várias mesmo, mostraram cenas de comunicação de espíritos, numa preocupação, escancarada, da emissora em divulgar mesmo a doutrina, e eu sei muito bem as suas razões. (É uma pena que nem tudo pode ser dito e muito menos escrito). Só sugiro a alguns espíritas insensatos que parem com essa mania precipitada de ficar dizendo que ela está querendo é ganhar dinheiro às custas do Espiritismo, porque a Globo já ganha dinheiro demais, com a sua criatividade e sua qualidade internacional e não precisaria disto. Ela fala muito sobre o assunto porque, além das outras razões que ela tem, existem também a comprovação de que É ALGO QUE DE FATO DÁ AUDIÊNCIA.

Só os espíritas não percebem isto.

Agora estamos aí vendo a novela "Caminho das Índias", da Glória Perez, falando o tempo todo sobre Reencarnação, mais uma vez, sobre Carma, sobre valores morais, etc... Não importa se está mostrando aquela cultura indiada, do jeito que é, o que importa é que estão falando sobre REENCARNAÇÃO e nós poderíamos nos aproveitar disto. Não precisa a novela ser cem por cento espírita, basta que apresente as idéias espíritas. Lembremos daquela pergunta se o Espiritismo seria a religião do futuro, quando os Espíritos responderam que as suas idéias seria o futuro das religiões. Pronto, é o que basta.

Cadê as grandes instituições espíritas, para juntarem forças, e pegarem carona nisto? Cadê a ABRADE?

Coitada da ABRADE, que não tem apoio de ninguém. A maioria dos espíritas não sabe nem o que significa. "Associação Brasileira de Divulgadores do Espiritismo". Agora aponte um membro dela, um sequer, que seja conhecido, nacionalmente, como divulgador da doutrina, por algum trabalho feito por ela, neste sentido? Não se trata de incompetência dela não, muito pelo contrário, tem muita gente boa lá, o problema é que os espíritas, incluindo as grandes instituições, editoras espíritas e ninguém dá a menor bola pra ela, como se não existisse.

Isto é OMISSÃO!!!!! Isto é UMA VERGONHA, como diz o Boris Casoi.

E tem outra coisa: Quando aparece um malucozinho, numa cidade qualquer, se propondo a fazer algum programa em rádio ou TV, sabe qual é o apoio que ele recebe?

"Está querendo se promover, à custa da doutrina", "É preciso ver quais são as suas intenções", "veja lá como vai falar sobre a doutrina"... Ora bolas, por que tem que ser sempre assim? Será que ninguém nunca está bem intencionado? Será que todo o mundo é analfabeto, em termos de Espiritismo, que não pode falar sobre a doutrina, com coerência?

Agora mesmo o nosso amigo Hélio Amaral, grande companheiro da Rede Visão, em Nova York, acabou de fechar um espaço bem maior, pra gente poder continuar mostrando os nossos programas variados daqui, para um número cada vez maior de pessoas poder assistir, simultaneamente. Agora são 12 Terabytes de espaço, que custa muito caro. Tínhamos que fazer isto, porque o número de pessoas que nos assiste aumenta, a cada dia. Poucos são os que se importam em quanto custa isto.

Gente, está na hora deste movimento acordar!!!!

Não é para sairmos por aí apenas querendo encher os salões dos centros espíritas, porque não é este o objetivo do Espiritismo, é para mostrarmos ao público que praticar o aborto não é uma simples questãozinha de saúde pública e sim um crime hediondo, covarde e cruel; é para ensinar para o público que o assassinato de uma pessoa só vai matar o corpo, a pessoa vai continuar viva e, invariavelmente, poderá infernizar cada vez mais a vida do assassino. É para ajudarmos o mundo a reduzir mais os índices de suicídio, eutanásia, pena de morte, vinganças, violências, inveja, orgulho, egoísmo e todas essas coisas que a nossa doutrina ensina muito bem.

Se você não quiser fazer isto junto com o Alamar, ótimo, não tem problema nenhum e não é isto que estou propondo aqui. Eu sei o quanto o meu nome incomodou muitas lideranças, não pelo fato de eu ter sido algum ladrão, bandido ou terroristas, mas pelo fato de ter sido pioneiro num montão de coisas, que todo mundo sabe, por ter feito a maior revista espírita de todos os tempos, a mais audaciosa experiência espírita na televisão via satélite e tudo isto, que não vale a pena ficar repetindo aqui. A Psicologia nos mostra que, geralmente, quem faz pouco ou nada faz, incomoda demais aqueles que não conseguem ser nada mais que o comum.

Façam com outras pessoas, reúnam grupos, criem, projetem, entrem em ação. Fortaleçam a ABRADE e paremos de fingir que ela não existe.

Que determinadas criaturas continuem a espalhar por aí que o Alamar desencarnou, que abandou a divulgação da doutrina, que está com câncer, que foi embora para o exterior e que nunca mais ninguém ouviu falar do seu paradeiro, como orienta uma emissora de rádio espírita para que os seus telefonistas informem ao público, quando alguém perguntar por ele.

Enquanto isto eu continuo aqui, ainda cantando o meu Karaokê, no mesmo astral que sempre tive, sem qualquer problema de saúde, conforme os checkup médicos que faço duas vezes por ano, que não sou besta, a não ser um costumeiro triglicerídios um pouco mais alto, já que adoro comer doce, sou chocólatra e não abro mão do meu pãozinho passado manteiga todas as tardes, com um gostoso café quentinho.

É importante que todos saibam que divulgando a doutrina não estão simplesmente atendendo a insistentes apelos do Alamar, estarão construindo um gigantesco pronto socorro, habilitado a curar os maiores problemas da humanidade, que é de espiritualidade e moralidade.

Amémmmmmmmm!!!!!!

Glória a Jesussssss!!!!!!!

Abração, Gente!.

Alamar Régis Carvalho

alamar@redevisao.net

www.redevisao.net

5 comentários:

flavia disse...

eu digo ao contrario vceis nao conheçem a cristo porque cristo e o nosso libertador a biblia nos ensina a adorar um seu deus e nao ha imagem de escultura e nem entrar em tendas ou em templos feitos por maos

Momento de Paz disse...

Flávia minha amiga, não entendi muito bem o que você quiz dizer. No Espiritismo nós não adoramos nenhuma imagem e também não temos rituais e nem templos como no catolicismo ou nas denominações evangélicas. Como você, Também acreditamos num só Deus.
Ficariamos muito felizes se pudesse pontuar com mais clareza onde você não concorda.

Um forte abraço

Felipe Féliix disse...

Olá Amigo

Não tenho fontes.. mas ja li em alguns lugares que a Rede Globo estava quase quebrando a dois anos atrás... n sei se procede...

Agora o fato da rede globo intencificar o assunto espiritismo em suas programações, acredito q seja devido a alguma politica de confronto com uma outra rede de televisão que é contra nossa doutrina de amor.

Percebendo o potêncial esclarecedor de nossa doutrina cristâ, a rede de tv aproveita o carisma de nossos preceitos com potÊncial muito grande de aceitação se bem entendida.

Sabrini disse...

Não concordo com isto que o movimento de vocês ensinam, que os espíritos mortos se comunicam com os vivos, na realidade os espíritos que se comunicam nestas suas reuniões são demoníacos. Vocês dizem que cultuam um só Deus, se se considerarem cristãos devem ler a bíblia - que é o livro sagrado do cristianismo. Por que não entendem aquela palavra que diz: "Quando entrares na terra que o Senhor, teu Deus, te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daquelas nações. Entre ti se não achará quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador de encantamentos, nem quem consulte um espírito adivinhante, nem mágico, nem quem consulte os mortos, pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o Senhor, teu Deus, as laça fora de diante de ti" [Deuteronômio, Cap. 18, Vs. 9-12].

Outra palavra da bíblia também reitera o mesmo ensinamento: "Algumas pessoas vão pedir que vocês consultem os adivinhos e os médiuns, que cochicham e falam baixinho. Essas pessoas dirão: 'Precisamos receber mensagens dos espíritos, precisamos consultar os mortos em favor dos vivos'. Mas vocês respondam assim: 'O que devemos fazer é consultar a lei e os ensinamentos de Deus. O que os médiuns dizem não tem nenhum valor'" [Isaías, Cap. 8, vs. 19 e 20].
Minha amiga, “conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João: 8:32).
Jesus te ama e quer salvar-te, faça um estudo da bíblia – que ela lhe mostrará o caminho da verdade, não deixe que te enganem.

Atila disse...

Eu não sou muito fã da Hegemonica Globo mas sei que qualquer ajuda é válida. Acho sim que o espiritísmo tem que ser divulgado e quem estiver apto a enxergar além do carnal gostará do que irá ver. Parabéns pela matéria. Abraço.